Publicidade
Publicidade

ESTADO

Secretária da educação é intimada em ação que pede realização de concurso público

A audiência está marcada para acontecer no dia 23 de agosto.

23/07/21 10:58:35 | Atualizado em: 23/07/21 11:07:29

A secretária da Seduc, Adriana Aguiar, e o procurador-geral do Estado, Nivair Borges, foram intimados pessoalmente pela Justiça para participar da audiência de conciliação relativa a realização de concurso público para professor da rede estadual. De acordo com a justiça, a intimação se deu em razão da complexidade e da relevância que envolvem o processo.

A audiência está marcada para acontecer no dia 23 de agosto. De acordo com o Ministério Público, o Governo terá que apresentar um levantamento com a quantidade de cargos efetivos vagos e de contratos temporários existentes na Secretaria Estadual da Educação, Juventude e Esportes (Seduc).

Na ação judicial, proposta em 2019, a 9ª Promotoria de Justiça da Capital aponta situação irregular no quadro da Seduc, e pede a realização de concurso para provimento mínimo de 4.882 cargos vagos, contemplando-se o de professor e outros.

O assunto foi discutido em audiência ocorrida no último dia 19, mas, devido à necessidade de apresentação das informações e da participação dos titulares da Seduc e da Procuradoria-Geral do Estado, foi concedido o prazo de 20 dias para uma nova audiência.