Publicidade
Publicidade
Publicidade

POLÍTICA

Candidatura do marido de Vanda Monteiro causa polêmica dentro do PSL e Gerson se manifesta

21/09/20 18:36:02 | Atualizado em: 21/09/20 18:36:02

A candidatura de Márcio Reis, marido da deputada estadual Vanda Monteiro, continua gerando polêmica dentro do PSL.

A candidatura de Márcio, que já foi secretário executivo da Subprefeitura da Região Sul de Palmas, não agradou aliados e Vanda Monteiro tenta driblar uma crise dentro do seu partido.

Na tarde desta segunda-feira, o vereador Gerson Alves (PSL) candidato a vice-prefeito na chapa de Vanda, negou que esteja havendo crise no partido. “Formamos um grupo de vereadores fortes, que está unido junto ao projeto político que planejamos para Palmas e seguimos fortalecidos com o apoio da executiva nacional do partido”, destacou.

Gerson explicou que vê com naturalidade a candidatura do marido de Vanda. “Minha saída para vice abre uma oportunidade. A candidatura de Márcio era cogitada, ele é um puxador de votos e após diálogo com o grupo foi levantada a questão. Como presidente metropolitano do PSL não vejo qualquer possibilidade de rebelião. O grupo é fortalecido internamente, temos base e seguimos confiantes”, afirmou Gerson Alves.

Nos bastidores a situação é outra, tanto Gerson quanto Vanda buscam um forma de conseguir a aceitação da candidatura de Marcio junto ao grupo. A decisão final deve ser tomada até dia 26.