Publicidade

CRIME MISTERIOSO

Delegado investiga o caso que pode ter uma reviravolta

Assassinos inventaram uma história que não convenceu a polícia!

08/12/19 21:01:45 | Atualizado em: 09/12/19 14:21:46

Crime covarde, violento envolto em mistérios. Assim podemos descrever o assassinato de Luciano! Segundo informações do delegado Guido Camilo (foto), da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Palmas,ao contrário da versão dos assassinos, Luciano Carvalho de Jesus, não turtou o carro, de propriedade, supostamente, de um dos criminosos. Ele apenas confundiu os veículos, caso normal que poderia acontecer com qualquer pessoa. O assassino mentiu também, ao afirmar que a vítima teria tentado fugir e que ele não seria o principal autor do homicídio qualificado e sim o seu comparsa. Infelizmente um jovem perdeu a vida violentamente. A sociedade tocantinense, em especial a palmense, espera que a policia civil, através das investigações lideradas pelo competente delegado Guido Camilo, no sentido de esclarecer os fatos no rigor da lei e punir os culpados exemplarmente.

ENTENDA O CASO
Suspeito de furtar um carro, na noite de sábado, 7, em Palmas, o jovem Luciano Carvalho de Jesus, de 28 anos, foi espancado até a morte. Segundo a Polícia Militar, o suposto assassino  é um individuo de 36 anos,  que relatou aos pms  que foi atrás de Luciano após ter o seu veículo furtado. Os policiais militares informaram  ter encontrado o corpo do suposto ladrão em uma rua da quadra 112 Sul, no centro da cidade,  para atender ums ocorrência de trânsito. No local, os policiais notaram que o corpo de Luciano tinha várias marcas de pancadas na cabeça, provavelmente provocadas por agressões
O Corpo de Bombeiros e o Samu foram chamados para socorrer a vitima mas ele não resistiu aos ferimentos. O local do crime foi isolado para realização da perícia, e o corpo da vítima levado ao Instituto Médico Legal (IML).Durante a ocorrência, o dono do carro que estava no local do crime se apresentou e disse aos policiais que o veículo tinha sido furtado pela vítima na quadra 504 Norte.Na delegacia, o proprietário do veículo confessou o crime e foi preso em flagrante. A Polícia Civil investiga o caso. (Hércules Dias)