POLÍTICA

Emoção marcou a posse de Siqueira Campos no Senado. Uma das mais prestigiada da história

Às vésperas de completar 91 anos, ex-governador do Tocantins assumiu a vaga de Eduardo Gomes que se licencia para assumir cargo no governo estadual

16/07/19 14:22:59 | Atualizado em: 16/07/19 14:32:42

O ex-governador do Tocantins Siqueira Campos (DEM) tomou posse como senador da República em sessão especial na manhã desta terça-feira (16). Ele assume na vaga de Eduardo Gomes (MDB).
O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, afirmou que a sessão faz uma homenagem especial à história política e à biografia de Siqueira Campos, que começou sua trajetória como vereador de Colinas com maior votação (1965) e escolhido presidente da Câmara (1966).

A primeira a discursar na solenidade foi a prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro, que relembrou a história do seu falecido marido, o ex-senador João Ribeiro. O deputado federal Carlos Gaguim (DEM) falou em nome da bancada federal do Tocantins e foi seguido pelo governador em exercício Wanderlei Barbosa.
Na sequência, Eduardo Siqueira Campos destacou a gratidão de Eduardo Gomes. "A gratidão não é coisa para muitos. Não tenho palavras, Eduardo Gomes, só peço a Deus que possa lhe retribuir. Sempre acompanhado de uma generosidade, carinho e desapego", disse. 
Titular do mandato, Eduardo Gomes assumiu a Secretaria de Estado da Governadoria do Governo do Tocantins.

EMOÇÃO
Durante o discurso, Siqueira Campos se emocionou e afirmou que tinha encerrado a carreira política, mas atendeu ao chamado para assumir o cargo de senador pela primeira vez. "[...] Nós vamos defender o Brasil, defender as diversas regiões, os diversos estados da federação e os interesses do nosso povo", afirmou. (Com informações da Agência Senado Federal)ade de Colinas (GO). Ele assume o mandato que vai de 2019 a 2027. (Hércules Dias)