TV DIGITAL

Faltando apenas 4 dias para desligar do sinal digital, somente 75% dos beneficiários retiraram os kit digitais gratuitos

10/08/18 15:46 | Atualizado em: 10/08/18 15:46

Faltando apenas 4 dias para que o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) desligue do sinal analógico em Palmas somente 75% dos beneficiários retiraram os kits digital gratuito, distribuídos pela entidade Seja Digital, necessário para migrar do sinal analógico para o digital.





No entanto, a boa notícia é que ainda dá tempo de adquirir o kit gratuitamente, através do agendamento que pode ser realizado em todas a unidades dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) da Capital, ou pelo site http://www.sejadigital.com.br





Mesmo aqueles que possuem TV de tubo podem fazer a conversão do sinal analógico em digital. Para isso basta instalar o kit. O Kit gratuito de TV Digital é composto por um conversor digital, antena e controle remoto. Com este kit será possível assistir aos canais abertos com a qualidade de TV digital.





De acordo com os dados da Seja Digital, em Palmas existem 59.399 famílias beneficiárias do Governo Federal que têm direito ao kit. Deste total, até o dia 08 de agosto de 2018, 48 386 pessoas fizeram agendamento, representando 79% e 44.526 kit já foram entregues, representando 75% do total. No último mês foram entregues 11.142 unidades, e nesta última semana foram agendados a entrega de mais 2.453.





A secretária de Desenvolvimento Social (Sedes), Valquíria Rezende, realça a importância da parceria entre a Seja Digital e os Cras que tem proporcionado a muitas famílias a oportunidade de atualizar seus aparelhos de TV, e dessa forma diminuir despesas e preservar o meio ambiente. “Gostaria de lembrar a todos aqueles que possuem TV de tubo que ainda é possível fazer o agendamento e migrar para o sinal digital”, disse.





Segundo a porta voz da Seja Digital, Silvania Réquia, no sinal digital a imagem é muito mais nítida, com som de qualidade, sem ruídos e interferências, com possibilidade de mobilidade e interatividade, e o melhor, continua sendo grátis.





Silvania Réquia explica que a TV Digital veio com o objetivo de aumentar o sinal, iniciar a nova faixa de frequência para celulares e ainda melhorar a qualidade de sons e imagens oferecidas em território nacional. Explica ainda que o Ministério das Comunicações e as empresas de telecomunicações estão adaptando, migrando e realizando as mudanças estruturais e físicas necessárias, bem como informando tudo que é necessário para o desligamento do sinal analógico e posterior ativação do novo sinal digital.