Publicidade
Publicidade

ECONOMIA

Empresários da Praia do Caju terão financiamento

20/04/17 09:46 | Atualizado em: 20/04/17 09:46

Donos de restaurantes da Praia do Caju terão linha de crédito específica no Banco do Povo e serão capacitados pelo Sebrae até maio, mês em que a obra de infraestutura da praia está prevista para ser inaugurada, dentro da programação do aniversário de Palmas.

O anúncio foi feito nesta quarta-feira, 19, pelo secretário de Desenvolvimento Econômico e Emprego, Kariello Coelho, em reunião com técnicos do Sebrae-TO e com os nove ex-donos de quiosques, que agora, com as novas instalações, passam a ser chamados de restaurantes.

Eles já têm crédito pré-aprovado no Banco do Povo, que disponibilizou financiamento de até R$ 10 mil para cada Micro Empreendedor Individual (MEI) e R$ 5 mil para pessoa física. “Entendemos a dificuldade desses empresários, principalmente por estarem desde fevereiro sem comercializar na praia. Essa linha de crédito dará maior viabilidade econômica neste recomeço”, assegurou o secretário.

A garantia de menor burocracia e taxa de juros baixos atraiu os pequenos empresários, que querem melhorar a estrutura de seus estabelecimentos. “Essa notícia veio em boa hora, pois quero tudo novo para inauguração. Perdíamos muitos clientes pela falta de estrutura, agora vai ser diferente”, conta o comerciante Joziel Santos de oliveira, que trabalha há 13 anos na Praia do Caju.

Sebrae

Nessa nova fase, o Sebrae entrará como parceiro na preparação dos donos de restaurantes, oferecendo treinamentos e capacitação em gestão do negócio, manipulação de alimentos e gestão de redes sociais. “Nosso intuito é que eles tenham acesso aos produtos do Sebrae e da Prefeitura com mais agilidade, inovando o processo de produção e serviços”, destacou o Amaggeldo Barbo, Analista do Sebrae.

A comerciante Andreia de Souza recebeu a notícia com entusiasmo. “Precisamos muito desses cursos, pois agora, com infraestrutura, entramos em uma nova fase”, destaca a dona de restaurante que atua há 12 anos na Praia do Caju.

O Sebrae também oferecerá um Plano de Viabilidade Econômica, com finalidade em projeções futuras sobre a possibilidade de um comerciante que hoje está inscrito como MEI se tornar em ME (microempresa). A comunicação visual dos restaurantes, placas turísticas, uniformes, layout do estabelecimento também contarão com a ajuda do Sebrae.

Kariello lembra que a parceria entre Prefeitura e o Sebrae visa dar aos comerciantes da Praia do Caju maior competitividade. “Faremos a sinalização turística de todo o acesso, de forma diferenciada com imagens da praia e placas educativas. Também iremos ajudá-los com o layout dos uniformes e divulgação na página oficial da praia no Facebook, e faremos também a divulgação institucional da praia no aeroporto”, explicou.

Estrutura da Praia do Caju

A Praia do Caju passará a contar com nove restaurantes, prédio administrativo, estacionamento com 215 vagas, prédio administrativo com espaço para equipes de segurança e socorristas, 58 unidades de chapéu de palha, iluminação pública, fornecimento de água tratada e construção de estação elevatória para a rede de esgoto.