De olho na política

Por Erica Lima

Coluna

14/07/18 13:14 | Atualizado em: 14/07/18 13:14

POLÍTICA

PSB de Amastha é o primeiro partido a anunciar data da convenção





O PSB, partido presidido no estado pelo ex-prefeito de Palmas, Carlos Amastha, foi a primeira sigla a anunciar o dia de sua convenção para as eleições de 7 de outubro.
O evento foi marcado para acontecer no dia 5 de agosto, na grande praça do Espaço Cultural de Palmas a partir das 8 horas. Amastha será o cabeça de chapa na majoritária que disputará o Palácio Araguaia este ano.
O nome do vice ainda não foi definido, mas acredita-se em alguém da cidade de Gurupi. Já se ventila que a vaga será ocupada por um membro da família Stival.
As convenções para a escolha dos candidatos a presidente e vice-presidente da República, governador e vice-governador, senador e respectivos suplentes, deputado federal, deputado estadual ou distrital deverão ocorrer entre os dias 20 de julho e 5 de agosto. 

11/07/18 08:07 | Atualizado em: 11/07/18 08:07

POLÍTICA

Glês Nascimento nega que assumirá comunicação da Assembleia e diz que Vieira continuará na função





A jornalista Glês Nascimento negou que irá responder pela diretoria de comunicação da Assembleia Legislativa.
Ontem, um veículo de comunicação chegou a divulgar a nomeação da profissional, que atuou como assessora de imprensa da atual presidente da Casa, deputada Luana Ribeiro.
Na verdade, Glês assumiu a função anteriormente ocupada pelo marketeiro, João Neto, que se afastou do posto para acompanhar Mauro Carlesse ao executivo estadual. “Minha função mais estratégica, Vieira que ficará na Dicom”, afirmou a jornalista.
O jornalista Vieira de Melo continua a frente da Dicom por decisão de Luana Ribeiro, parlamentar responsável pela indicação.
 

10/07/18 10:32 | Atualizado em: 10/07/18 10:32

POLÍTICA

Ataídes se aproxima de Carlesse de olho na reeleição





A presença do senador Ataídes de Oliveira (PSDB) na solenidade de posse de Mauro Carlesse (PHS) fortalece a informação de que o parlamentar está conversando com o Palácio Araguaia de olho na sua reeleição.

Muitos acreditam que Oliveira desistiu da ideia de disputar o Governo do Tocantins e está em busca de uma das vagas ao senado na chapa de Mauro Carlesse. Mas, Carlesse já possui uma lista de pré-candidatos, entre os nomes estão o do ex-governador Siqueira Campos e o do deputado federal César Hallun.

O PSDB ficou fora das eleições suplementares, mas a sigla é uma das mais assediadas no estado, pois conta com 24 prefeitos, seis vice-prefeitos, dois deputados e 70 vereadores. Além disso, ela tem o maior tempo de TV entre todas as agremiações.

A decisão final sobre os rumos políticos de Ataídes pode ser tomada na próxima sexta, 13, dia em que o partido reunirá seus líderes para decidir os rumos da sigla em outubro deste ano.

04/07/18 11:55 | Atualizado em: 04/07/18 11:55

ESTADO

Rogério Ramos assume o cargo de secretário executivo da Secretaria Municipal de Finanças





O Diário Oficial do Município da última terça-feira, 03, a nomeação do administrador Rogério Ramos para o cargo de secretário executivo da Secretaria Municipal de Finanças.
Ramos é servidor de carreira e atua no município há 26 anos como agente de rendas. O novo servidor também já atuou como chefe de gabinete de Luana Ribeiro (PSDB) na Assembleia Legislativa.
Ele é também conselheiro do Sebrae/TO e diretor de Comunicação do Conselho Federal de Administração (CFA).


02/07/18 16:06 | Atualizado em: 02/07/18 16:10

POLÍTICA

De olho nos votos dos delegados do MDB, pré-candidato à presidência, Henrique Meirelles, vem ao Tocantins nesta terça




Com o objetivo de buscar o apoio de delegados da legenda na convenção nacional do MDB, o presidenciável e ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles vem à Palmas nesta terça, 03, participar de um encontro da sigla.
O pré-candidato a presidência da República se reunirá com membros da agremiação a partir das 10 horas no Céu Palace Hotel.
Meirelles chegou ao Ministério da Fazenda com a posse do presidente Michel Temer em maio de 2016. Antes, ele havia sido presidente do Banco Central durante a primeira gestão de Lula.

27/06/18 09:48 | Atualizado em: 27/06/18 09:48

ESTADO

Executivo presta contas de dois quadrimestres nesta quarta-feira


A Comissão de Finanças, Tributação, Fiscalização e Controle realiza nesta quarta-feira, 27, às 8 horas no Plenarinho da Assembleia Legislativa, audiência pública para prestação de contas do 3º Quadrimestre de 2017 e 1º Quadrimestre de 2018 do Governo do Estado. A apresentação do relatório detalhado é uma determinação dos artigos 34,36, e 41 da Lei Complementar nº 141 de janeiro de 2012. 


12/06/18 14:04 | Atualizado em: 12/06/18 14:04

POLÍTICA

Áudio de vereador de Araguaína será usado para acusar Carlesse de uso da máquina durante as eleições





A coligação “A Vez dos Tocantinenses”, encabeçada pelo senador Vicentinho Alves (PR) vai enviar a justiça eleitoral um áudio, supostamente atribuído ao vereador de Araguaína Edimones de J. Matos da Silva, conhecido como Xeroso, onde o parlamentar atribui ações do governo estadual no bairro São João ao governador interino e candidato, Mauro Carlesse (PHS), e solicita apoio político para o segundo turno da eleição suplementar no dia 24 de junho.

A assessoria jurídica da coligação usará o áudio para compor uma peça que acusa Carlesse de usar a máquina pública a seu favor nas eleições suplementares.

O áudio de Xeroso foi enviado em denúncia à coligação através do Whatsapp.
 

29/05/18 08:39 | Atualizado em: 29/05/18 08:39

ESTADO

Governo do Estado realiza pagamento de servidores nesta sexta





O Governo do Tocantins está planejando realizar o pagamento de 100% dos servidores estaduais nesta sexta-feira, 01. Caso isso aconteça, essa será a primeira vez, desde 2015, que o salário volta a ser pago no primeiro dia do mês.

Palacianos já dão como certa a quitação dos salários dos servidores que recebem o valor líquido de até R$ 2.667,05 , mas a expectativa é de que o Governo consiga o valor referente a totalidade da folha do mês de maio.

O Governo também pretende quitar a primeira parcela da data-base de 2017, assim como foi acordada com os servidores. O percentual de correção é de 1,32901%.

15/05/18 15:11 | Atualizado em: 15/05/18 16:05

POLÍTICA

Doação via crowdfunding é liberada e Marlon Reis já registra arrecadação de pouco mais de R$ 3,2 mil

Os pré-candidatos podem lançar páginas na internet para receber as doações





Uma das novidades na campanha de 2018 é a possibilidade de obter doações voluntárias de pessoas físicas. O chamado crowdfunding foi regulamentado neste ano pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) após ter sido previsto pelo Congresso na minirreforma eleitoral de 2015. A vaquinha foi aprovada pelos parlamentares depois da proibição da doação de empresas para candidatos.

Os pré-candidatos podem lançar páginas na internet para receber as doações, mas estão vetados de pedir votos diretamente, sob a pena de serem processados por campanha eleitoral antecipada.

Mas você sabe como ajudar financeiramente a campanha do seu candidato?

Para doar recurso financeiro e ajudar nosso candidato, você deve estar ciente que seu limite financeiro corresponde a 10% sobre sua renda bruta declarada no Imposto de Renda de 2017. 

Doações menores que o valor de R$ 1.064,10 poderão ser realizadas mediante depósito identificado, já os maiores só podem ser realizadas exclusivamente mediante transferência bancária da conta do doador para a conta do candidato.

O candidato do REDE, Marlon Reis, iniciou uma campanha de arrecadação através de um site. A plataforma foi lançada no dia 5 de maio com meta de arrecadar R$ 800 mil, mas 10 dias depois do lançamento o candidato arrecadou apenas pouco mais de R$ 3 mil. 

As doações podem ser feitas pelo www.doemarlonreis18.com.br.

Nenhum outro candidato das eleições suplementares estão utilizando o sistema para arrecadação de dinheiro para custeio da campanha.

Gastos

O pré-candidato que receber a doação via crowdfunding somente poderá gastar os recursos se tiver confirmada sua candidatura em convenção nacional do partido. Caso isso não aconteça, o dinheiro será devolvido aos doadores. A depender do contrato entre pré-candidato e plataforma de doação, as taxas administrativas podem não ser devolvidas.

Nos próximos meses, o candidato só poderá usar os recursos da vaquinha virtual para preparar sua campanha, como instalar comitês físicos, por exemplo.
Somente a partir de 16 de agosto, quando começa oficialmente a campanha eleitoral e os candidatos podem passar a pedir votos, o dinheiro poderá ser gasto em materiais impressos, realização de comícios e outros.


 

08/05/18 14:46 | Atualizado em: 08/05/18 14:46

Política

Marlon Reis usa estratégias para driblar falta de tempo de TV


O candidato do Rede, Marlon Reis, está buscando alternativas criativas para driblar o pouco tempo de propaganda de rádio e TV.

O candidato está montando uma rede de voluntários que desenvolverá a sua campanha pelas redes sociais. O Facebook será uma das principais ferramentas usadas por Marlon Reis para apresentar seus projetos aos eleitores tocantinenses.

Marlon Reis possui apenas 8 segundos e 57 milésimos de tempo de rádio e TV, mas sua mensagem poderá ser acompanhada através de sua página do Facebook. Nesta terça-feira, 08, o candidato desenvolveu um bate-papo com seus eleitores. A estratégia será utilizada mais vezes ao longo da campanha.

02/05/18 15:20 | Atualizado em: 02/05/18 17:46

POLÍTICA

Apoio a Kátia resulta na exoneração de Waldson da Agesp





Um dia depois de ter oficializado apoio a candidatura da senadora Kátia Abreu (PDT) ao Governo do Tocantins, o suplente de vereador de Palmas, Waldson da Agesp (PCdoB) foi exonerado do cargo que exercia na Secretaria da saúde de Palmas. A pasta foi comandada pelo seu colega de partido, Nésio Fernandes, que desincompatibilizou para concorrer a eleição.

No domingo, 29, Waldson reuniu cerca de 300 líderes da região sul de Palmas, em sua casa no setor Bela Vista, em um evento que contou com a presença de Kátia. O suplente, que já foi vereador na cidade, é uma das principais lideranças da Capital.

12/04/18 08:46 | Atualizado em: 12/04/18 08:46

POLÍTICA

Zé Roberto pede para inserir sobrenome 'Lula' em seu nome parlamentar





Em apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso desde sábado, 07, para cumprir 12 anos e 1 mês de prisão da condenação no caso tríplex, o deputado estadual e presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) Zé Roberto decidiu adotar, a partir desta quarta-feira, 11, Lula como parte do nome parlamentar oficial. Após a formalização da mudança, o nome do deputado passará a ser Zé Roberto Lula.

A mudança aparecerá no painel eletrônico de votação e deverá ser mencionado quando o presidente da sessão se dirigir ao deputado. A ação vem sendo adotada por petistas em assembleias legislativas e câmaras de vereadores de todo o país.

06/04/18 10:10 | Atualizado em: 06/04/18 10:10

ESTADO

Ruben Ritter anuncia intenção de disputar vaga para deputado federal





O produtor rural Ruben Ritter, ex-presidente da Aprosoja, anunciou a sua intenção de disputar a eleição para uma das vagas na Câmara Federal. O empresário é filiado ao PSDB. A intenção foi demonstrada em reunião com o presidente estadual da sigla, Ataídes Oliveira.

Ritter conta com o apoio de membros importantes da cadeia produtiva de grãos do Tocantins.

04/04/18 09:04 | Atualizado em: 04/04/18 09:04

POLÍTICA

Após seis meses de negociação, Gaguim se filia ao DEM





Após quase seis meses de negociação, o deputado federal Carlos Gaguim efetiva a sua filiação ao Democrata (DEM). O parlamentar disse que o convite para integrar a sigla foi feito pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia.

Desde o ano passado, Carlos Gaguim buscava um partido para chamar de seu. As negociações começaram em outubro de 2017, mas foram frustradas pela filiação do ex-governador Siqueira Campos a sigla.

Agora, após um acordo que lhe garantiria autonomia na escolha de suas alianças, Gaguim confirma sua adesão ao DEM, presidido no Tocantins pela professora Dorinha Seabra.

Gaguim chegou a cogitar uma candidatura ao senado, mas agora definiu concorrer à reeleição na Câmara.


27/03/18 10:02 | Atualizado em: 27/03/18 10:02

ESTADO

Legislação Eleitoral pode tirar quatro dos principais pré-candidatos da disputa das eleições suplementares





A realização de eleições suplementares no Tocantins pode jogar um balde de água fria nas pretensões políticas de muitas pessoas.

Segundo a legislação eleitoral, muita gente pode concorrer ao pleito previsto para acontecer no dia 03 de junho. Quem não pode são aqueles que não estão no gozo de seus direitos políticos ou não têm domicílio eleitoral há pelo menos um ano no estado.

A Constituição em seu Artigo 14, parágrafo 6º diz que “para concorrerem a outros cargos, o Presidente da República, os Governadores de Estado e do Distrito Federal e os Prefeitos devem renunciar aos respectivos mandatos até seis meses antes do pleito”, isso significa que o prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas(PR), e o de Palmas, Carlos Amastha(PSB), estão fora da disputa.

A esposa de Marcelo Miranda, Dulce Miranda (MDB), também estaria impedida de acordo com o parágrafo 7º da CF/1988, pois o texto é claro e diz que “são inelegíveis, no território de jurisdição do titular, o cônjuge e os parentes consangüíneos ou afins, até o segundo grau ou por adoção, do Presidente da República, de Governador de Estado ou Território, do Distrito Federal, de Prefeito ou de quem os haja substituído dentro dos seis meses”.

Em tese, quem não tem filiação partidária de seis meses também estaria impedido, a menos que tenha justificativa. Essa tese pode abrir uma brecha para a senadora Kátia Abreu, que foi expulsa do MDB no final do ano passado.

As eleições suplementares serão realizadas de forma direta no dia 03 de junho. O novo governador deve ficar no cargo pelo período de sete meses e poderá concorrer nas eleições gerais de outubro.


27/03/18 10:02 | Atualizado em: 27/03/18 10:02

POLÍTICA

De olho na Assembleia, Cristiano Rodrigues entrega presidência da ANSEDITUR e deve pedir exoneração da Agetur na próxima semana





O secretário executivo da Agencia de Turismo de Palmas, Cristiano Rodrigues, renunciou a presidência da ANSEDITUR - Associação Nacional de Secretários Municipais de Turismo. A decisão foi anunciada ontem durante assembleia na EMBRATUR.

O evento contou com a participação da Secretária Nacional do Ministério do Turismo, Tetê Bezerra; de seu chefe de gabinete, Hercy Rodrigues; do Chefe de Gabinete da Presidência da Embratur, Marcelo Alves; do Presidente da Federação Brasileira de Hospedagem, Alexandre Sampaio; e de secretários de várias capitais e destinos turísticos.

Cristiano também deve pedir exoneração de seu cargo no município de Palmas na próxima semana, dentro do prazo de desincompatibilização prevista para membro do executivo. O gestor tem andado o Tocantins na tentativa de fortalecer o seu nome como pré-candidato a deputado estadual.

Entre suas bandeiras estão o desenvolvimento econômico e turístico e a geração de emprego. Quem assumiu sua vaga na ANSEDITUR foi Richard Alves, Secretário de Turismo de Porto Seguro-BA.